Na gestão de um negócio você se depara com muitas obrigações legais que nunca ouviu falar, não é mesmo? Esses problemas jurídicos diminuem muito o faturamento da companhia.

Você sabia que existem truques que evitam essas complicações? São os segredos que os lojistas bem sucedidos usam para sempre manter o crescimento da empresa.

Então se você não aguenta mais dores de cabeça com questões legais, fique tranquilo, hoje você vai aprender as 5 melhores dicas de como evitá-las, acompanhe conosco.

1. Conte com uma boa assessoria para resolver problemas jurídicos

Qual a melhor forma de conseguir conhecimento na área jurídica, senão diretamente com profissionais do ramo?

Saber a lei é essencial para evitar qualquer entrave legal, porém é inviável exigir do empresário o mesmo conhecimento de um advogado que estuda a legislação há anos.

Por isso é necessário contratar uma boa equipe de assessoria jurídica, ninguém domina a área tão bem quanto aqueles que trabalham nela diariamente.

É importante lembrar que você deve consultar profissionais antes que os problemas surjam ou que os processos sejam iniciados.

Afinal, prevenir completamente o ajuizamento de ações judiciais é muitos mais econômico do que se defender nelas, não é mesmo?

A assessoria é uma peça fundamental para impedir falências e aumentar o faturamento de qualquer empresa.

2. Estude atentamente os contratos

Ao ler enormes contratos com dezenas de páginas, é comum várias cláusulas passarem despercebidas, pode ocorrer de algumas delas serem desvantajosas ou ilegais.

Para evitar ser surpreendido com um detalhe que pode colocar seu negócio em uma situação de risco, o mais inteligente é optar pela segurança de um profissional qualificado para averiguá-las.

Não é muito melhor assinar contratos tendo certeza que entendeu todos os seus detalhes?

3. Formalize todas relações societárias

É muito comum firmar acordos em encontros ou reuniões, porém fechar só com um aperto de mão e confiar que o colega honre os compromissos.

Como esse trato é frágil, a outra parte pode facilmente não cumprir sua parte, seja por imprevistos, má interpretação na discussão ou até mesmo esquecer de detalhes importantes.

É aqui que entra a importância de formalizá-los, pois você terá certeza que serão cumpridos, e caso não sejam, ainda haverão cláusulas de descumprimento.

Por causa da burocracia que existe a formalização de contratos, há um certo “preconceito” em fazê-lo no Brasil, mas você pode simplesmente deixar todo esse procedimento a cargo de um bom advogado.

4. Tenha um contador competente

O contador também é uma peça-chave nas questões legais, pois auxilia o advogado nas questões tributárias ou trabalhistas que envolvem o patrimônio do negócio.

O setor jurídico terá todo o suporte necessário para evitar possíveis multas administrativas e processos, reduzindo os custos da companhia.

5. Faça acordos de trabalho

Os acordos coletivos com sindicatos permitem uma flexibilidade maior dos direitos trabalhistas, neles é possível discutir a compensação do banco de horas, condições de trabalho etc.

Isso adequará o trabalho dos funcionários às necessidades da empresa sem o perigo de ocorrer ofensas à legislação.

Também é vantajoso fazer acordos com ex-empregados, pois resolvendo os litígios de forma amigável economizará as quantias que seriam gastas em prováveis processos trabalhistas.

Viu que não é difícil evitar empecilhos legais? Basta ter uma boa equipe de advogados qualificados, sua empresa estará salva de falências e de custosas ações judiciais. Conte com a Guedert Advogados para o que precisar!

Assine, gratuitamente, nossa newsletter e receba mais dicas sobre como proteger seu negócio!

Share This